‘Perda de tempo’, diz Marco Aurélio sobre ação do governo contra restrições

‘Perda de tempo’, diz Marco Aurélio sobre ação do governo contra restrições

O ministro do STF Marco Aurélio Foto: Carlos Moura – 11.dez.2019 / SCO – STF

Decano do Supremo Tribunal Federal, o ministro Marco Aurélio criticou a nova ofensiva do governo federal contra lockdown nos estados. À CNN, o ministro reclamou: “Quanta perda de tempo! Tem conotação política, para atribuir ao Supremo a responsabilidade!”. Para o ministro, que foi relator de outra ação que o governo moveu contra estados, a principal preocupação de momento deveria ser a pandemia.

A ação do governo proposta pela Advocacia Geral da União questiona as medidas de três estados: Paraná, Pernambuco e Rio Grande do Norte. Em março, o governo moveu ação similar contra outras três unidades da federação, Bahia, Brasília e Rio Grande do Sul.

Na ocasião, Marco Aurélio rejeitou o pedido porque o documento levava apenas a assinatura do presidente Jair Boldonaro. O então ministro da AGU, José Levi, não assinou. O então relator chegou a ressaltar o caráter totalitário do pedido e ressaltou que ao presidente da República caberia a “coordenação de esforços visando bem estar dos brasileiros”.

Dessa vez, a ação apresenta tanto Bolsonaro como o atual ministro André Mendonça como signatários. O Supremo ainda não decidiu quem será o relator do caso.

Fonte: cnnbrasil

Leia Mais:

vacina já - sisma-mt

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *