Pai antivacina mata filho de 9 anos após discussão com ex-mulher sobre a imunização

Stephen O’Loughlin

A Polícia de San Francisco, na Califórnia (EUA), está investigando a morte de uma criança de 9 anos que foi assassinada pelo próprio pai no último dia 13 de janeiro.

Stephen O’Loughlin, de 49 anos, foi encontrado morto com um ferimento de bala dentro de seu apartamento ao lado do filho Pierce, que também estava baleado. As informações são do Daily Mail e do The New York Post.

De acordo com a polícia local, os agentes foram até a casa do homem após a mãe do menino, Lesley Hu, acionar a corporação. Ela havia recebido uma ligação da escola do filho afirmando que a criança havia faltado.

O homicídio seguido de suicídio aconteceu em meio a uma batalha judicial pela custódia com a ex-esposa. A mulher buscava a guarda exclusiva da criança, afirmando, entre outras coisas, que o pai era ‘antivacina’. Os pais de Pierce estavam divorciados desde 2016.

Como desinformação e grupos antivacina ameaçam combate à covid-19 no Brasil

A advogada da mãe da criança, Lorie Nachils, diz que Stephen “estava mentalmente perturbado” e que ele acreditava que a vacina contra a Covid-19 tinha um dispositivo colocado pelo governo para controlar a mente dos imunizados. “A postura do ex-marido sobre as vacinas assumiu um tom de culto”, afirmou Lorie.

Pai antivacina mata filho e se mata

Segundo informações da Polícia de São Francisco, os corpos foram encontrados no apartamento do pai da criança um dia depois dele afirmar que concordaria em vacinar o filho, após uma longa discussão entre o casal.

“O pai castigou a mãe com o mais horrível ato de violência, assassinando o filho dela. Ela vai sofrer para o resto da vida com este peso, como ele queria”, lamentou a advogada.

O post Pai antivacina mata filho de 9 anos após discussão com ex-mulher sobre a imunização apareceu primeiro em Pragmatismo Político.

Auxilie na divulgação das matérias e luta em prol do trabalhador colaborando com o site, você pode auxiliar na continuidade dessa luta!

projeto Colaborativo Se Liga Cidadão foi pensado e desenvolvido em defesa do trabalhador brasileiro, não sendo parte do projeto a veiculação de publicidade governamental para que o site não se torne subserviente a grupos, portanto sobrevive através de doações voluntárias onde os colaboradores (individual ou pequenos empresários) recebem sempre um bônus em troca de sua gentileza em auxiliar a manutenção do canal de comunicação, seja em créditos para adquirir produtos digitais na loja Espia Aqui (www.espiaaquiloja.com) ou descontos em cursos online na Espia Aqui Cursos (www.espiaaquicursos.com.br), para uso próprio ou de colaboradores das empresas parceiras.

Conheça Clicando Aqui!

Se Liga Cidadão – Em Defesa do Cidadão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *