Jogadores de Istanbul e PSG deixam campo após suposta ofensa racista de árbitro – 08/12/2020 – Esporte – Folha

Jogadores de Paris Saint-Germain (FRA) e Istambul Basaksehir (TUR) abandonaram o campo no início da partida desta terça (8), em Paris, pela Champions League. Eles acusam o quarto árbitro Sebastian Colţescu, da Romênia, de ter proferido uma ofensa racista contra um integrante da comissão técnica do time turco.

Jogadfores do Istanbul e integrantes da comissão técnica discutem com o árbitro
Jogadfores do Istanbul e integrantes da comissão técnica discutem com o árbitro
Jogadfores do Istanbul e integrantes da comissão técnica discutem com o árbitro – AFP

O jogo ficou paralisado cerca de 20 minutos antes de as equipes saírem do gramado. O árbitro principal, o também romeno Ovidiu Haţegan tentou convencer os jogadores a reiniciarem o confronto, mas eles se recusaram.

Integrantes do elenco do Istanbul pediram “respeito” e Neymar avisou que com Colţescu à beira do campo, a partida não poderia continuar.

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *