Inquérito vai provar que não cometi irregularidade, diz Wajngarten – PÁGINA DO ESTADO

Fabio Wajngarten, secretário de Comunicação da Presidência, divulgou nota há pouco para dizer que o inquérito aberto a pedido do Ministério Público Federal é uma “oportunidade para eu provar que não cometi qualquer irregularidade”.

O objetivo da investigação é apurar práticas de corrupção passiva, peculato e advocacia administrativa por suspeita de ter favorecido seus clientes no rateio das verbas publicitárias do governo.

“Não há qualquer relação entre a liberação de verbas publicitárias do governo e os contratos da minha empresa – da qual me afastei conforme a legislação determina – anteriores à minha nomeação para o cargo, como pode ser atestado em cartório”, afirmou.

Ele disse que teses que extrapolem essa interpretação é notória perseguição. Ele afirma que a Folha S.Paulo, que revelou o caso, não aceita a nova diretriz da Secom. “O que esse jornal tenta é me imputar a pecha de “criminoso”, o que não conseguirá! Tenho um nome a zelar, um trabalho de mais de 20 anos no mercado, o seu respeito e reconhecimento”.

Ele conclui dizendo que vai defender sua reputação. “Não aceito e não aceitarei essa infame agressão à minha reputação pessoal e profissional. Lutarei e denunciarei essa covardia. A verdade prevalecerá!”.

Fonte: paginadoestado.com.br/inquerito-vai-provar-que-nao-cometi-irregularidade-diz-wajngarten

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *