IBGE: Desemprego bate recorde desde o início da pandemia – Se Liga Cidadão

Foto: Alexandre Schneider/Getty Images

Jornal GGN – São 14 milhões de brasileiros desempregados, em meio a pandemia da Covid-19, revelou os dados divulgados nesta quarta-feira, 23, pelo Instituto Brasileiro de Geografia e Estatística (IBGE).

A taxa de desocupação de 14,2% registrada em novembro representa um novo recorde, com um aumento de 38,6% em relação a maio, quando iniciou a série histórica da Pnad Covid.

No entanto, apesar dos novos dados, houve estabilidade na comparação com outubro, quando o percentual foi de 14,1%.

Leia Mais: PIB tem crescimento recorde de 7,7% no 3º trimestre, mas não recupera perdas da pandemia

Segundo a pesquisa, 13,7 milhões de desempregados não procuraram trabalho em razão da pandemia ou por falta de trabalho na região, embora desejassem trabalhar.

De acordo com o próprio IBGE, o anúncio do fim do Auxílio Emergencial pode estar relacionado com o aumento da desocupação. A ajuda paga pelo governo às famílias de baixa renda, em decorrência da pandemia, termina este mês.

População ocupada

Em contrapartida, a população ocupada teve a primeira alta desde maio. Agora são 84,7 milhões de brasileiros ocupados, um aumento de 0,6% em relação a outubro.

Você pode ajudar o Se Liga Cidadão a melhorar e continuar disseminando informação de qualidade, aprimorando nossa equipe técnica em um projeto colaborativo. O seu auxílio é fundamental para termos uma imprensa livre e independente!

 

Saiba mais: https://seligacidadao.com.br/plano-02/

Se Liga Cidadão!

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *