Exército quer instalar 9º BEC em Sinop até 2025 com investimento de R$ 180 milhões; parlamentares articulam emendas

Exército quer instalar 9º BEC em Sinop até 2025 com investimento de R$ 180 milhões; parlamentares articulam emendas

O  vice-chefe do Departamento de Engenharia e Construção, general Paulo Roberto Viana Rabelo, apresentou, hoje, ao senador Jayme Campos (DEM) e ao deputado Leonardo Albuquerque (SD), coordenador da Bancada Federal do Estado, o projeto de instalação do 9º Batalhão de Engenharia e Construção (9º BEC) do Exército em Sinop. Atualmente, a sede é em Cuiabá e o Exército já definiu mudá-lo para Sinop visando abranger a região Norte e Sul do Pará.

Está prevista uma área de 175 hectares às margens da BR-163, em Sinop, e o projeto contempla a construção de uma Vila Militar. A edificação terá sustentabilidade, com conservação de energia e água, redução de resíduos e de emissão de gases poluentes e outros aspectos tecnológicos dentro do que há de mais moderno na construção civil.

O investimento previsto é de R$ 180 milhões e a principal necessidade é a destinação dos recursos no orçamento do governo federal. Na audiência no QG do Exército, em Brasília, Leonardo garantiu que a bancada fará um aporte de recursos através de emenda coletiva ao Orçamento da União. “Vamos conversar com os demais membros da bancada para ver de quanto será o recurso que será disponibilizado para essa importante obra”, disse.

O Plano apresentado prevê a conclusão total das obras em 2025. Jayme Campos acrescentou que o Exército tem “inúmeros os serviços prestados no nosso estado. Tem bastante peso, relevância e é histórica a presença do Exército em Mato Grosso, que muito nos ajudou no nosso desenvolvimento e, com certeza, o know how adquirido por esta instituição será capaz de nos ajudar ainda mais. Portanto, é hora da união de esforços para que as obras do 9º BEC se tornem uma feliz realidade”, declarou o senador.

vacina já - sisma-mt

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *