Brasil tem superavit de R$ 16,5 bi em abril, melhor resultado em 7 anos

O governo federal registrou superavit primário de R$ 16,46 bilhões em abril. Esse foi o melhor resultado para o mês de abril desde 2014, quando foi registrado um saldo positivo de R$ 23,4 bilhões (valor corrigido pela inflação). No mesmo mês de 2020, o país teve deficit de R$ 99,3 bilhões.

Os dados foram divulgados nesta 5ª feira (27.mai.2021) pelo Tesouro Nacional. Leia a íntegra (1 MB).

O resultado primário considera a diferença entre as receitas e despesas do governo central (Tesouro Nacional, Previdência Social e Banco Central), sem contabilizar o pagamento dos juros da dívida pública e outros encargos.

O número de abril ficou acima das expectativas de instituições financeiras consultadas pelo Poder360. Segundo o governo, o resultado foi influenciado pela evolução da arrecadação e pela redução significativa dos gastos com a pandemia de covid-19.

Na visão do Tesouro, mesmo com um início mais rápido do ciclo de aumento de juros, não houve piora da percepção dos riscos fiscais. O órgão cita que desde a 1º elevação da taxa básica de juros, a Selic, o Risco Brasil de 5 anos caiu cerca de 20 pontos-base.

No acumulado do ano, houve superávit de R$ 41,0 bilhões frente a deficit de R$ 95,9 bilhões em 2020 (em valores nominais). A Previdência Social registrou deficit de R$ 76,5 bilhões no período. Já o Tesouro Nacional e o Banco Central apresentaram superavit de R$ 118,2 bilhões.

O resultado primário do governo central acumulado em 12 meses foi de deficit de R$ 646,0 bilhões, equivalente a 7,9% do Produto Interno Bruto.

Continuar lendo

Fonte: poder360

Leia Mais:

vacina já - sisma-mt

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *