AMM busca alternativas para auxiliar municípios na aquisição de vacinas

Crédito: Agência de Notícias da AMM

A Associação Mato-grossense dos Municípios está se mobilizando para auxiliar os prefeitos na aquisição de vacinas contra a covid-19.  A instituição enviou aos gestores modelos de carta de intenção para a compra da vacina russa Sputnik V e da AstraZeneca, que estão sendo aplicadas em vários países. O documento não sela o compromisso da aquisição, mas viabiliza que as empresas distribuidoras elaborem uma proposta comercial e apresente as condições de fornecimento do imunizante.

O presidente da AMM, Neurilan Fraga, disse que é importante que os prefeitos interessados encaminhem à instituição as  cartas de intenção  assinadas com a maior brevidade para que a Associação faça um encaminhamento único às empresas distribuidoras. “O prazo de entrega da vacina Sputnik V e da AstraZeneca é de cerca de 20 dias após a assinatura do contrato. Por isso é importante agilidade administrativa para atender todos os trâmites burocráticos para a aquisição”, assinalou.

Fraga se reuniu nesta sexta-feira (19), por videoconferência, com técnicos, dirigentes de Consórcios de Saúde e representantes do laboratório da vacina AstraZeneca, para discutir o processo de compra, valores e prazos para a entrega dos imunizantes. A AMM está fazendo um levantamento sobre a demanda de vacinas que poderão ser adquiridas em Mato Grosso e vem participando de uma série de reuniões nas últimas semanas em busca de uma melhor forma para os municípios comprarem os lotes.

Um dos representantes do laboratório da vacina AstraZeneca, Duarte Lukas, informou que a produção continua em larga escala e garantiu que oferece o menor valor de mercado, 7 dólares por cada dose da vacina. Ele frisou que após a assinatura do contrato com o gestor municipal, o processo é rápido entre o  pedido e a entrega, seguindo todos os trâmites burocráticos, inclusive com a emissão da nota fiscal. A dose da vacina Sputnik V está orçada em R$ 9,75 dólares.

O presidente da AMM disse que a imunização da população se tornou ainda mais urgente com o agravamento da pandemia em todo o país, que já soma mais de 280 mil mortos.  Em Mato Grosso, já são 282.595 casos confirmados da covid-19, com 6.641 óbitos, até o momento. Além dos contatos com as empresas distribuidoras das vacinas, a AMM também tem reiterado as recomendações aos prefeitos sobre a importância de estabelecer medidas restritivas mais rigorosas para conter o avanço do  novo coronavírus no estado.

Fonte: AMM

Fonte: momentomt

Leia Mais:

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado. Campos obrigatórios são marcados com *